Ads Header

Colbie Caillat - Bubbly


Colbie Marie Caillat é uma cantora e compositora norte-americana que teve seu primeiro sucesso lançado no MySpace onde colocou algumas músicas no site, entre elas "Bubbly". Esse single encabeça o álbum "Coco" que chegou à quinta posição do ranking da revista "Billboard". Antes de se tornar um grande hit, a canção esteve disponível temporariamente de forma gratuita no iTunes, o álbum atingiu recentemente 3 milhões de copias vendidas no mundo sendo 2 milhões apenas nos Estados Unidos. No Brasil, essa canção recebeu uma certificação de Disco de Ouro devido a mais de 50 mil downloads pagos, segundo a ABPD.


A letra:
Bubbly
Will you count me in?

I've been awake for a while now
You've got me feeling like a child now
'Cause every time I see your bubbly face
I get the tingles in a silly place

It starts in my toes
And I crinkle my nose
Wherever it goes
I always know

That you make me smile
Please stay for a while now
Just take your time
Wherever you go

The rain is falling on my window pane
But we are hiding in a safer place
Under covers staying safe and warm
You give me feelings that I adore

It start in my toes
Make me crinkle my nose
Wherever it goes
I always know

That you make me smile
Please stay for a while now
Just take your time
Wherever you go

What am I gonna say
When you make me feel this way
I just...

And it starts in my toes
Makes me crinkle my nose
Wherever it goes
I always know

That you make me smile
Please stay for a while now
Just take your time
Wherever you go

I've been asleep for a while now
You tucked me in just like a child now
'Cause every time you hold me in your arms
I'm comfortable enough to feel your warmth

It starts in my soul
And I lose all control
When you kiss my nose
The feeling shows

'Cause you make me smile
Baby just take your time now
Holding me tight...

Wherever... wherever...
Wherever you go
Wherever... wherever...
Wherever you go

Wherever you go
Always know

'Cause you make me smile
Even just for a while


A tradução:
Animado
Você poderá contar comigo?

Eu estou acordada por um tempo agora
Você me fez sentir como uma criança agora
Porque cada vez que eu vejo seu rosto animado
Eu sinto arrepios num lugar bobo

Começa na ponta dos pés
E me faz enrugar o nariz
Onde ele vai
Eu sempre sei

Que você me faz sorrir
Por favor fique por um tempo agora
Basta levar o seu tempo
Onde quer que vá

A chuva está caindo no vidro da minha janela
Mas nós estamos nos escondendo em um lugar mais seguro
Sob as cobertas permanece seco e quente
Você me dá sentimentos que eu adoro

Começa na ponta dos pés
E me faz enrugar o nariz
Onde ele vai
Eu sempre sei

Que você me faz sorrir
Por favor fique por um tempo agora
Basta levar o seu tempo
Onde quer que vá

O que eu vou dizer
Quando você me faz sentir desse jeito?
Apenas? hum...

Começa na ponta dos pés
E me faz enrugar o nariz
Onde ele vai
Eu sempre sei

Que você me faz sorrir
Por favor fique por um tempo agora
Basta levar o seu tempo
Onde quer que vá

Fui dormir por um tempo agora
Você me cobriu como uma criança agora
Porque toda vez que você me segura em seus braços
Sinto-me confortável o suficiente para sentir seu calor

Começa na minha alma
E eu perco todo o controle
Quando você beija o meu nariz
O sentimento mostra

Porque você me faz sorrir
Baby basta levar o seu tempo agora
Me abrace forte...

Onde... onde...
Onde quer que vá
Onde... onde...
Onde quer que vá

Onde quer que vá,
Sempre sei

Porque você me faz sorrir
Mesmo que só por um momento

VER O CLIPE

Roberta Flack - Killing me softly


Essa é uma das melhores canções românticas de todos os tempos e uma das únicos músicas de grande repercussão mundial na voz de Roberta Flack, uma cantora, pianista e compositora americana dotana de uma das mais belas vozes dos anos 70. Killing Me Softly with His Song é uma canção de 1971 composta por Charles Fox e Norman Gimbel, inspirada no poema Killing Me Softly with His Blues de Lory Lieberman, que ela escreveu depois de ver Don McLean cantando a música "Empty Chairs". A própria Lieberman foi a primeiro a gravar a canção, em 1971, mas foi a versão de Roberta Flack, de 1973, que tornou a canção um sucesso, alcançando o número um na Billboard Hot 100 e ganhando três prêmios Grammy, incluindo o de canção do ano. Killing Me Softly with His Song teve várias versões covers incluindo Herb Alpert, Engelbert Humperdinck, Frank Sinatra, Nils Landgren, Tori Amos, The Fugees, Alison Moyet, Eva Cassidy, Perry Como, les Jackson 5, Mina, Anne Murray, Luther Vandross, Joe Dassin, Toni Braxton, Alicia Keys, Jaco Pastorius, Marcus Miller, Plain White T's, Youngblood Brass Band, Shirley Bassey, Susan Boyle, Amaury Vassili, John Holt, Tony Rebel & Garnett Silk , Usha Uthup e Kimiko Kasai. A canção também aparece em uma cena do filme About a Boy, interpretada pelos atores Nicholas Hoult e Hugh Grant. A música recebeu algumas versões em português. Em 1986, por Zezé Di Camargo com o título "Faz eu perder o juízo". Em 1991, foi interpretada por Joanna com o título "Morrendo de amor". Guilherme Arantes também fez uma versão chamada "Em sua Voz". Em 1998, grupo Fat Family gravou em seu álbum de estreia um cover com a letra original. Killing Me Softly with His Song ocupa a posição número 360 na lista da Rolling Stone das 500 melhores canções de todos os tempos.
A letra:

Killing Me Softly With His Song
Strumming my pain with his fingers
Singing my life with his words
Killing me softly with his song
Killing me softly with his song
Telling my whole life with his words
Killing me softly, with his song

I heard he sang a good song, I heard he had a style
And so I came to see him, and listen for a while
And there he was, this young boy, a stranger to my eyes
(repeat chorus)

I felt all flushed with fever, embarrassed by the crowd
I felt he found my letters, and read each one out loud
I prayed that he would finish, but he just kept right on
(rpt chorus)

He sang as if he knew me, and all my dark despair
and then he looked right through me as if I wasn't there
And he just kept on singing, singing clear and strong
(repeat chorus till fade)


A tradução:

Matando-me Suavemente Com Sua Canção
Dedilhando minha dor com seus dedos
Cantando minha vida com suas palavras
Matando-me suavemente com sua canção
Matando-me suavemente com sua canção
Contando minha vida inteira com suas palavras
Matando-me suavemente com sua canção

Eu ouvi dizer que ele cantava muito bem, eu ouvi dizer que ele tinha um estilo
E então eu vim vê-lo, e ouvi-lo por um momento
E lá estava ele, este jovem menino, um estranho aos meus olhos
(Repete o refrão)

Eu me senti toda vermelha de febre, com vergonha do público
Eu senti que ele encontrou minhas cartas, e leu cada uma em voz alta
Eu rezei para que ele acabasse, mas ele apenas continuou
(Repete o refrão)

Ele cantava como se me conhecesse, e meu profundo desespero
E então ele olhou através de mim como se eu não estivesse lá
E ele continuou cantando, cantando alto e claro
(Repete o refrão até o fim)
VER O CLIPE

Do A ao Z da dança


Gosta de dançar? Sabe dançar? Depende de qual estilo estamos falando, pois, são muitos. Podemos comprovar isto no excelente clipe gravado no verão de Los Angeles mostrando os estilos e passos de dança para cada letra do Alfabeto do A ao Z. Muito criativo, divertido e impressionante. Confira abaixo:
VER O CLIPE

As 10 músicas mais irritantes já feitas


Músicas de sucesso, mas que tocaram tanto que chegaram a tirar muita gente do sério. Confira abaixo as 10 músicas mais irritantes de todos os tempos:

VER O CLIPE

Os 50 piores clipes da história da música


A revista britânica New Musical Express (NME) elegeu os 50 piores clipes da história da música. Na classificação aparecem desde hits dos anos 80 até vídeos mais recentes do cenário pop. O topo da lista não surpreendeu e foi ocupado pelo o clipe de “Friday“, da jovem Rebecca Black. No restante da seleção aparecem nomes como Lady Gaga, Christina Aguilera, Britney Spears e Miley Cyrus.
Confira a lista completa dos 50 piores clipes, de acordo com a NME:
01. Rebecca Black – Friday
02. Kings Of Leon – Radioactive
03. Susan Boyle – Perfect Day
04. Lady Gaga – Judas
05. Eric Prydz – Call On Me
06. Razorlight – Wire To Wire
07. Pixies – Velouria
08. Christina Aguilera – Not Myself Tonight
09. The Fray – How To Save A Life
10. James Blunt – You’re Beautiful
11. Cher Lloyd – Swagger Jagger
12. David Bowie – Dancing In The Streets
13. JLS – Take a Chance On Me
14. Nickelback – Rockstar
15. Jenna Rose – My Jeans
16. U2 – Numb
17. Beach Boys – Kokomo
18. Alice Cooper – Clones (We’re All)
19. Another Level – Freak Me
20. Joss Stone – Baby, Baby, Baby
21. CJ Fam – Ordinary Pop Star
22. Bloodhound Gang – The Bad Touch
23. Akon – Lonely
24. Huey Lewis And The News – Hip To Be Square
25. LMFAO – Sexy and I Know It
26. Britney Spears – Gimme More
27. Mika – Big Girl (You Are Beautiful)
28. Miley Cyrus - Can’t Be Tamed
29. Supersister – Coffee
30. Shayne Ward – No U Hang Up
31. Survivor – Eye Of The Tiger
32. Color Me Bad – I Wanna Sex You Up
33. Dannii Minogue – This Is It
34. Route 1 – Crash Landing (feat. Jenny Frost)
35. Eiffel 65 – Blue (Da Ba Dee)
36. Rednex – Cotton-Eye Joe
37. Sisqo – Unleash The Dragon
38. All Saints – Chick Fit
39. The Ting Tings – Hang It Up
40. Duck Sauce – Big Bad Wolf
41. Steel Panther – Fat Girl (Thar She Blows)
42. The Darkness – I Believe In A Thing Called Love
43. Journey – Separate Ways (Worlds Apart)
44. Wham! – Wake Me Up Before You Go Go
45. Vanilla Ice – Ice Ice Baby
46. Milli Vanilli – Girl You Know It’s True
47. Axel F – Crazy Frog
48. Daniel Bedingfield – If You’re Not The One
49. Paris Hilton – Stars Are Blind
50. Cher – If I Could Turn Back Time

Abaixo veja o videoclipe "campeão" e confira se ela mereceu ou não:

VER O CLIPE

Os 10 melhores solos de guitarra de todos os tempos


Show de Rock, solo de guitarra e a multidão vai ao delírio. Qual seu solo favorito? Bem, o canal Whtacmojo.com elenca os 10 melhores solos de guitarra já feitos. Confira a lista clicando no vídeo abaixo:
VER O CLIPE

Back at One


Em 1999, McKnight lançou seu único grande sucesso: Back at One, canção que integra o álbum de mesmo nome (seu segundo lançamento pela Motown; depois do álbum de Natal Bethlehem) que vendeu mais que três milhões de cópias. Brasil fez dueto desta música com cantora Ivete Sangalo. Brian McKnight é um cantor norte-americano indicado para o Grammy, e compositor, arranjador, produtor e músico pop. É um multi-instrumentista que sabe tocar nove instrumentos: piano, guitarra, baixo, bateria, percussão, trombone, tuba, trompa e trompete.


A letra:
Back At One
It's undeniable that we should be together
It's unbelievable, how I used to say that I'd fall never
The basis is need to know
If you don't know just how I feel
Then let me show you now that I'm for real
If all things in time, time will reveal
(Yeah-ah...)

One, you're like a dream come true
Two, just wanna be with you
Three, girl it's plain to see
That you're the only one for me
And four, repeat steps one to three
Five, make you fall in love with me
If ever I believe my work is done
Then I'll start back at one
(Yeah-ah...)

It's so incredible, the way things work themselves out
And all emotional, once you know what it's all about, hey
And undesirable, for us to be apart
I never would've made it very far
'Cause you know you've got the keys to my heart
'Cause...

One, you're like a dream come true
Two, just wanna be with you
Three, girl it's plain to see
That you're the only one for me
And four, repeat steps one to three
Five, make you fall in love with me
If ever I believe my work is done
(Then I'll start back at one)

Say farewell to the dark of night
I see the coming of the sun
I feel like a little child, whose life has just begun
You came and breathed new life into this lonely heart of mine
You threw out the life line
Just in the nick of time

One, you're like a dream come true
Two, just wanna be with you
Three, girl it's plain to see
That you're the only one for me
And four, repeat steps one to three
Five, make you fall in love with me
If ever I believe my work is done
Then I'll start back at one


A tradução:
De Volta a Um
É inegável que devemos ficar juntos
É inacreditável como eu dizia que jamais me apaixonaria
Você precisa saber,
Se já não sabe como me sinto
Então deixe-me mostrá-la agora que eu estou falando sério
Se todas as coisas, na hora certa, o tempo revelará
Sim...

Um: você é como um sonho que se tornou realidade
Dois: só quero estar com você
Três: Garota, é evidente
Que você é a única para mim
E quatro: repita os passos de um a três
Cinco: e se apaixone por mim
Se algum dia eu achar que meu trabalho está terminado
Então voltarei para o primeiro passo
Sim...

É tão incrível como as coisas acontecem sozinhas
É tudo emocionante quando você descobre do que se trata, ei
E é indesejável que nós fiquemos separados
Eu jamais teria ido muito longe
Porque você sabe que tem as chaves do meu coração
Porque...

Um: você é como um sonho que se tornou realidade
Dois: só quero estar com você
Três: Garota, é evidente
Que você é a única para mim
E quatro: repita os passos de um a três
Cinco: e se apaixone por mim
Se algum dia eu achar que meu trabalho está terminado
Então voltarei para o primeiro passo

Diga adeus a escuridão da noite,
Eu vejo o sol se aproximando
Sinto-me como uma criança cuja vida está começando
Você chegou e trouxe uma vida nova dentro deste meu coração solitário
Você me salvou
Na hora exata

Um: você é como um sonho que se tornou realidade
Dois: só quero estar com você
Três: Garota, é evidente
Que você é a única pra mim
E quatro: repita os passos de um a três
Cinco: e se apaixone por mim
Se algum dia eu achar que meu trabalho está terminado
Então voltarei para o primeiro passo
VER O CLIPE

Luka - S.Vega


Mais uma canção famosa de cantores não tão conhecidos quanto. Suzanne Nadine Vega é uma cantora estadunidense. Tornou-se conhecida mundialmente com a canção "Luka", presente no álbum Solitude Standing de 1987. Esse foi o grande sucesso da carreira da cantora e figura entre minhas favoritas canções.


A letra:

Luka
My name is Luka
I live on the second floor
I live upstairs from you
Yes I think you've seen me before

If you hear something late at night
Some kind of trouble. some kind of fight
Just don't ask me what it was
Just don't ask me what it was
Just don't ask me what it was

I think it's because I'm clumsy
I try not to talk too loud
Maybe it's because I'm crazy
I try not to act too proud

They only hit until you cry
And after that you don't ask why
You just don't argue anymore
You just don't argue anymore
You just don't argue anymore

Yes I think I'm okay
I walked into the door again
Well, if you ask that's what I'll say
And it's not your business anyway
I guess I'd like to be alone
With nothing broken, nothing thrown

Just don't ask me how I am
Just don't ask me how I am
Just don't ask me how I am

My name is Luka
I live on the second floor
I live upstairs from you
Yes I think you've seen me before

If you hear something late at night
Some kind of trouble. some kind of fight
Just don't ask me what it was
Just don't ask me what it was
Just don't ask me what it was

They only hit until you cry
And after that you don't ask why
You just don't argue anymore
You just don't argue anymore
You just don't argue anymore


A tradução:
Luka
Meu nome é Luka
Eu moro no segundo andar
Eu moro bem em cima de você
Sim, acho que você já me viu antes

Se ouvir alguma coisa de madrugada
Algum tipo de encrenca, algum tipo de briga
Não me pergunte o que aconteceu
Não me pergunte o que aconteceu
Não me pergunte o que aconteceu

Acho que é por que sou desastrado demais
Tento não falar alto demais
Talvez seja por que eu seja louco
Tento não bancar o orgulhoso

Eles só batem até você chorar
Depois disso, você não pergunta por quê
Simplesmente nem discute mais
Simplesmente nem discute mais
Simplesmente nem discute mais

Sim, acho que estou bem
Dei outra vez com a cara na porta
Se você perguntar, é o que eu vou dizer
Seja como for, você não tem nada a ver com isso
Acho que gostaria de ficar sozinho
Sem nada quebrado, sem nada jogado

Só não me pergunte como estou
Só não me pergunte como estou
Só não me pergunte como estou

Meu nome é Luka
Eu moro no segundo andar
Eu moro bem em cima de você
Sim, acho que você já me viu antes

Se ouvir alguma coisa de madrugada
Algum tipo de encrenca, algum tipo de briga
Não me pergunte o que aconteceu
Não me pergunte o que aconteceu
Não me pergunte o que aconteceu

Eles só batem até você chorar
Depois disso, você não pergunta por quê
Simplesmente nem discute mais
Simplesmente nem discute mais
Simplesmente nem discute mais

VER O CLIPE

As piores capas de disco


Além de um bom conteúdo, um álbum musical tem que ter uma bela arte de capa para torná-lo ainda mais atraente ao público. Contudo, não há limites para a criatividade humana e muito menos para a falta dela. Como prova, veremos abaixo as piores capas de discos e CDs de todos os tempos. Prepare os risos para a total falta de noção e confira abaixo:

VER O CLIPE

Blood Brothers - Iron Maiden


Esta é sem dúvidas um dos grandes sucessos do Heavy Metal mundial e também um dos maiores sucessos da banda Iron Maiden.

Iron Maiden é uma banda britânica de heavy metal, formada em 19751 pelo baixista Steve Harris, ex-integrante das bandas Gypsy's Kiss e Smiler. Originária de Londres, foi uma das principais bandas do movimento musical que ficou conhecido como NWOBHM (New Wave of British Heavy Metal). O nome "Iron Maiden", homônimo de um instrumento de tortura medieval que aparece no filme O Homem da Máscara de Ferro, baseado na obra de Alexandre Dumas.

Relembre a música abaixo:


A letra:
Blood Brothers

And if you're taking a walk through

the garden of life

What do you think you'd expect you

would see?

Just like a mirror reflecting the

moves of your life

And in the river reflections of me

Just for a second a glimpse of my

father I see

And in a movement he beckons to me

And in a moment the memories are all

that remain

And all the wounds are reopening again

We're blood brothers

We're blood brothers

We're blood brothers

We're blood brothers

And as you look all around at the

world in dismay

What do you see, do you think we

have learned

Not if you're taking a look at the

war-torn affray

Out in the streets where the babies

are burned

We're blood brothers

We're blood brothers

We're blood brothers

We're blood brothers

There are times when I feel I'm afraid

for the world

There are times I'm ashamed of us all

When you're floating on all the

emotion you feel

And reflecting the good and the bad

Will we ever know what the answer

to life really is?

Can you really tell me what life is?

Maybe all the things that you know

that are precious to you

Could be swept away by fate's

own hand

We're blood brothers

We're blood brothers

We're blood brothers

We're blood brothers

When you think that we've used

all our chances

And the chance to make

everything right

Keep on making the same

old mistakes

Makes untipping the balance so easy

When we're living our lives on

the edge

Say a prayer on the book of the dead

We're blood brothers

We're blood brothers

We're blood brothers

We're blood brothers

And if you're taking a walk through

the garden of life
 
 
A tradução
Irmãos de Sangue

E se você está dando uma volta pelo

Jardim da vida

O que você anseia

Em ver?

Como um espelho refletindo os

Movimentos da sua vida

E no rio, meus reflexos

Por um segundo um relance de meu

Pai eu vejo

E em um movimento, ele acena para mim

E em um momento as memórias são tudo

Que restam

E todas as chagas estão reabrindo de novo

Somos irmãos de sangue

Somos irmãos de sangue

Somos irmãos de sangue

Somos irmãos de sangue

E ao mesmo tempo em que você olha ao redor do

Mundo em desalento

O que você vê, você acha que nós

Aprendemos?

Não se você está dando uma olhada

Na guerra e com medo

Lá nas ruas aonde os bebês

São queimados

Somos irmãos de sangue

Somos irmãos de sangue

Somos irmãos de sangue

Somos irmãos de sangue

Tem horas que sinto medo

Do mundo

Tem horas que eu me envergonho de todos nós

Quando você está flutuando por todas as

Emoções sentidas

E refletem as boas e as ruins

Será que nós algum dia saberemos qual a resposta

Para a vida?

Você pode me dizer o que a vida significa?

Talvez todas as coisas que

São preciosas para você

Podem ser levadas pela

Mão do destino

Somos irmãos de sangue

Somos irmãos de sangue

Somos irmãos de sangue

Somos irmãos de sangue

Quando você pensa que nós

Tentamos de tudo

E a possibilidade de fazer

Tudo certo,

Continuamos a praticar os mesmos

Velhos erros

Fazendo inesperadamente um equilíbrio tão facilmente

Quando nós vivemos no limite de

Nossas vidas

Reze no livro dos mortos

Somos irmãos de sangue

Somos irmãos de sangue

Somos irmãos de sangue

Somos irmãos de sangue

E se você está dando uma volta pelo

Jardim da vida
VER O CLIPE

Bad Motherfucker - Bitting Elbows

 
Biting Elbows é uma banda de indie rock russo que foi formada em 2008, em Moscou. Em 2012, eles realizaram um álbum juntamente com Guns N' Roses e Placebo. É mais conhecida pelo clipe viral da música Bad Motherfucker, dirigido por Ilya Naishuller, que se tornou viral na internet por conta de seus efeitos especiais e de sua violência. O clipe ilustra o ângulo de visão em primeira pessoa onde o protagonista do clipe encara todo tipo de dificuldade típica de um filme de ação dos mais exagerados de forma que mantém o espectador vidrado na tela pela sensação de vivenciar toda a aventura.

Confira abaixo:
A letra:
Bad Motherfucker
I am the son of rock'n'roll
I got the masses under my control
I like to drink, I love the dope
I want your money and I want your hope

Your money and your hope
Your money and your hope
Your money and your hope

Vaguely epic are my lyrics
Jealous folks are the only critics
Top of the world and I know why
The world is a pigsty

Son of Rock'n'Roll
Son of Rock'n'Roll
Son of Rock'n'Roll
Son of Rock'n'Roll

I am a bad motherfucker
Live long and well thanks to suckers
Live long and well thanks to suckers
I am a bad motherfucker

Gotta say thanks to rock'n'roll
It got me into a whole lotta holes
They hear my voice I touch their souls
Too bad my heart is a heart of coal

And it don't matter none
If you make the juices run
The bank account will stun

I'm only here for myself
I've got a big fuck you for everybody else
Not only empty but empty and loud
I wonder if my father is proud

I am a bad motherfucker
Live long and well thanks to suckers
Live long and well thanks to suckers
I am a bad motherfucker

Get what you can, while you can and get out
Son of Rock'n'Roll

I am a bad motherfucker
Live long and well thanks to suckers
Live long and well thanks to suckers
I am a bad motherfucker
 
 
A tradução
Filho da Puta
Eu sou filho do rock´n´roll
Tenho as massas sobre meu controle
Gosto de beber muito, amo me drogar
Quero seu dinheiro e quero sua esperança

Seu dinheiro e sua esperança
Seu dinheiro e sua esperança
Seu dinheiro e sua esperança

Minhas letras raramente são épica
Os ciumentos são os únicos críticos
O topo do mundo e eu sei por que
O mundo é um chiqueiro

Filho do rock´n´roll
Filho do rock´n´roll
Filho do rock´n´roll
Filho do rock´n´roll

Sou um filho da puta
Vivo bem e agradeço aos idiotas
Vivo bem e agradeço aos idiotas
Sou um filho da puta

Vamos agradeçer ao rock´n´roll
Ele me levou a muitos ''buracos''
Eles ouvem minha musica e eu toco a alma deles
Pena pois meu coração é de pedra

Eu não me importo
Se você fizer suco, corra
A conta vai chocar

Só estou aqui por mim mesmo
E um grande pau no cú de todos os outros
Não apenas vazio mas vazio e barulhento
Eu ainda vou orgulhar meu pai

Sou um filho da puta
Vivo bem e agradeço aos idiotas
Vivo bem e agradeço aos idiotas
Sou um filho da puta

Pegue o que puder enquanto dá e va embora
Filho do rock´n´roll

Sou um filho da puta
Vivo bem e agradeço aos idiotas
Vivo bem e agradeço aos idiotas
Sou um filho da puta
VER O CLIPE

As 10 melhores músicas do A-ha


A-ha foi uma banda norueguesa de synthpop formada na cidade de Oslo, pelo vocalista Morten Harket, o guitarrista Paul Waaktaar-Savoy e o tecladista Magne Furuholmen.

Após formarem o grupo em 1982, saíram da Noruega rumo a Londres com o objetivo de fazer uma carreira no mundo da música. A origem do nome a-ha surgiu após Mags ter lido este termo num caderno de anotações de músicas e outras composições de Paul. O "a-ha" vem da exclamação "aha!!", no sentido de surpresa ou algo novo; Mags sugeriu este nome para a banda, e Paul gostou da ideia, a medida que eles queriam um nome de fácil memorização e que mais se aproximasse do som da língua norueguesa. Depois de pesquisarem dicionários em várias línguas, o grupo descobriu que 'a-ha' era uma forma internacional de expressar reconhecimento, com conotações positivas. Era uma palavra fácil e pouco utilizada.Todas as músicas da banda são em inglês.

Abaixo confiram as 10 melhores músicas da banda A-ha:
VER O CLIPE

Artistas (Internacional)

Boo-box